O Wattpad, #Wattys2015 e minha participação.

Olá, estou passando aqui hoje para falar de quatro assuntos: O aplicativo Wattpad, o prêmio Wattys 2015, as obras que inscrevi para concorrer e variedades aleatórias.

Atualizado: Olhos Negros foi premiado na categoria Tesouros Não Descobertos!

Wattpad!

Para quem não conhece, o Wattpad é um aplicativo que permite que autores disponibilizem e redijam e divulguem seus textos, poemas, contos, romances, fanfics, etc.  Permite a interação direta entre leitores e escritores em qualquer trecho dos textos disponibilizados. E é tido como um ótimo ambiente para novos escritores divulgarem seus textos, receberem críticas, etc. Já existem mais de dois milhões de escritores na plataforma e mais de cem mil publicações de textos são feitas por dia.

Visite: www.wattpad.com

Baixe para Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=wp.wattpad&hl=pt_BR

Para iOS: https://itunes.apple.com/us/app/wattpad-free-books-ebook-reader/id306310789

Está começando agora? Precisa de ajuda? Contate os EmbaixadoresBR: http://www.wattpad.com/user/EmbaixadoresBR

O Prêmio Wattys 2015.

É uma premiação anual que existe desde 2011. São celebradas as histórias mais novas, mais badalas e mais queridas. Leia mais aqui: http://www.wattpad.com/story/42121972-wattys-2015-português

As obras que selecionei para concorrer.

Já tenho 9 obras publicadas no Wattpad, mas escolhi três para concorrer. Um conto, uma novela (até 40.000 palavras) e um romance (mais de 40.000). Duas destas, estão apenas disponíveis no Wattpad.

O conto: A Morte do Homem-Café

Uma sátira ao gênero de super-heróis localizada no Brasil. O Homem-Café é um dos mais populares heróis brasileiros. Ao ler este conto você saberá tudo sobre ele, desde sua origem, carreira nacional e internacional, seus companheiros, seus principais feitos e o confronto final com um típico super-vilão brasileiro, o Senador Narsei. Leia!

Escrevi poucos contos até então e este é o meu favorito. A capa eu mesmo que fiz, inspirada em capas de quadrinhos da era de ouro.

 

 

 

Novela: Memorial de Quill

Memorial de Quill – Exterminador de demônios – é uma aventura de fantasia épica, a história de vida de Quill contada por seu próprio espírito aprisionado. Ele viveu durante a Guerra Milenar – um conflito mundial que reuniu muitas nações e raças a fim de sobreviver às hordas de invasores demoníacos após a abertura dos portões do inferno. Descubra a Terra das Nove Luas, um mundo cheio de magia, armas fantásticas e batalhas épicas. Confronte infinitas hordas invasoras, as enormes rainhas-demônio e um dos quatro Duques do Inferno. E, além disso, conheça uma ameaça ainda maior do que a invasão. Algo que Quill deverá confrontar em segredo… Junte-se a Quill e seus companheiros nesta aventura.

Apesar deste livro ser uma espécie de experimento, fiquei razoavelmente satisfeito com o resultado final. Também gosto muito da ilustração de capa que encomendei ao talentoso artista Andrew Hou (njoo). O aspecto de experimento deste livro, foi justamente com o fato dele condensar muitos anos de vida (muitos mesmo) do protagonista numa sequência de memoriais quase episódica. Tem também a vantagem de ser relativamente curto, se comparado a outras de minhas obras.

Romance: Olhos Negros

O jovem cavaleiro Kyle Blackwing e seus companheiros, Archibald, um monge Naomir e Kiorina, aprendiz de feiticeira, investigam o nascimento de crianças de olhos negros. Eclode uma guerra contra as hordas dos terríveis bestiais. O reino de Lacoresh é ameaçado por forças sombrias e ocultas. Com a guerra e intrigas, a vida, inocência e fé dos três jovens é afetada. Leia!

Este é o primeiro livro de uma trilogia. Dos livros que já publiquei até então, é certamente o mais “redondo”. Já está na web desde 2007 de tenho recebido ao longo dos anos muitos retornos positivos de meus leitores. Está na plataforma Wattpad há menos e acho que o concurso é uma oportunidade divulgá-lo um pouco mais.

 

Então, visite meu perfil no Wattpad, leia essas obras que citei aqui e, se gostar, lembre-se de votar (em cada capítulo). Se não gostar, comente! Diga o que não funcionou e me ajude a escrever livros melhores. Ficarei grato!

Outras coisas…

Ainda dentro do assunto Wattpad, sou usuário há cerca de um ano. Tenho gostado muito da plataforma e da maneira pela qual permite interagir, capítulo por capítulo com meus leitores. É um lugar legal para descobrir textos legais de autores “desconhecidos” e também de conhecidos. Como foi o caso de Desmortos, de Mary C Müller e Warbreaker, de Brandon Sanderson. Agora, esteja certo que no Wattpad poderá encontrar tantos textos legais e material ainda fraco/imaturo.

Bom, aproveitando o texto que não é de resenhas, vamos falar um pouco sobre o que vem por aí. Encomendei a revisão de texto do romance Lentes da Perdição (Livro 1 da série: Crônicas Delorianas). Ainda não sei ao certo se vou lançá-lo no Wattpad, ou se vai ser minha primeira experiência com romance impresso. Ainda estou estudando, mas de qualquer forma, gosto muito do livro e resolvi investir um pouco na qualidade contratando uma revisora. (Fiz isso apenas para Olhos Negros, há muitos anos, e para a versão em inglês de Memorial de Quill (Keel, The Demonslayer).

Estou terminando a terceira revisão da novela que é uma espécie de continuação de Memorial de Quill: A Morte de Öfinnel Öfinnel. Rei. Vidente. Guerreiro. Lenda. Trabalhando no segundo manuscrito do segundo livro da série Cronicas Delorianas: A Queda de Durkheim. E ainda no primeiro manuscrito de dois romances ainda sem título “certo”. Herdeiros de Kamanesh (Spinoff da Trilogia do Novo Elo) e outro livro de fantasia pós apocalíptica, que um dia, com fé, vou conseguir criar um título. De modo que ainda para este ano, e quase certo que A Morte de Öfinnel irá chegar primeiro no Wattpad.

É isso aí! Qualquer dúvida, me escrevam!

 

Leia Mais

Série Crônicas Delorianas

Hoje terminei o primeiro manuscrito do segundo livro da série que chamei de Crônicas Delorianas: “A Queda de Durkheim”. Apesar de algum lançamento desta série não estar próximo, fiquei com vontade de compartilhar um pouco sobre esse meu novo trabalho.

Há alguns anos atrás decidi que estava cansado de criar apenas histórias de fantasia clássica, ou alta fantasia, aquelas com os tradicionais cavaleiros, dragões, feiticeiros, elfos, etc e tal. Então comecei a desenvolver um mundo onde houvesse magia, mas que fosse diferente destes mundos fantásticos que foram popularizados por RPGs seguindo as mitologias nórdicas e/ou célticas.

Outro problema era o tipo de narrativa, de busca (quest) também muito frequente, na qual heróis precisam salvar o reino, ou o mundo e enfrentam vilões, normalmente comandados por um senhor sombrio, ou coisa do gênero. Queria algum tipo de narrativa diferente, algo que misturasse aventura, fantasia (magia) e o gênero policial. Quanto ao gênero, não consegui ainda classificar bem… Mas há influências do romance planetário (sem ser ficção científica) e o cyber-punk, ou algum tipo de Retro-punk, ou Steam Punk (sem vapor predominante?), mas algo próximo disso. (Já vi usarem o termo Fanta-punk, mas acho horrível!) Talvez Cristal-punk fosse algo mais próximo, mas apenas como uma das influências.

Atualizado (maio/2016): Leia o primeiro volume da série, Lentes da Perdição, no Wattpad.

(mais…)

Leia Mais

Site renascendo… e novo romance!

Depois de brigar um pouco com problemas técnicos da minha hospedagem, as coisas estão entrando nos eixos…

Aos poucos estou reintroduzindo o conteúdo antigo e consolidando os três sites antigos aqui. Algumas coisas não vão seguir mais a organização anterior, mas há vantagens na ferramenta que escolhi para reconstruir o site.

Tem uns dois meses que li um livro muito legal chamado Oficina de Escritores de Stephen Koch e peguei boas dicas sobre escrita. “Sempre aprendendo”!

Uma das dicas era: seguir o impulso e não colocar obstáculos para a escrita da primeira versão de uma história. Foi assim que comecei meu mais recente romance, ainda sem título, mas parte de uma ambientação chamada Cronicas Dellorianas. Pela primeira vez também estou escrevendo um livro à mão, sem usar o computador. Isto por que sempre posso carregar meu caderno à qualquer lugar e maximizar meu tempo de escrita. A estratégia esta dando certo e estou quase todos os dias. A média de palavra ainda está baixa, mas aumentando. Acima de 350 por dia.

Mais adiante darei mais notícias deste romance.

Multiabraços!

Leia Mais